quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Escape

Stars die in the silence
Of arabian nights
Wind washes the seasons
In these days of a golden age
Life in your new world
Turning round and round
Making some sense
Where there's no sense at all
                                                                                                 -Escape

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Cat Lady

Ano do Gato
Em uma manhã de um filme de Bogart
Em um país aonde fazem o tempo voltar
Você vai andando através da multidão como Peter Lorre
contemplando um crime
Ela sai do sol correndo em um vestido de seda
Como uma pintura na chuva
Não se incomoda em pedir por explicações
Ela só te dirá que veio
No ano do gato
Ela não dá tempo para perguntas
Enquanto te imobiliza nos braços dela
E você segue até que seu senso de direção
Desaparece completamente
E na parede azul perto das bancas no mercado
Há uma porta escondida pela qual ela te leva
Esses dias, ela fala, eu sinto minha vida
Como um rio correndo através do 
Ano do gato
Ela olha pra você com um olhar de desinteressada
E os olhos dela brilham como a lua no mar
 Ela vem como incenso e patchoulí
Então você a leva, para ver o que está esperendo lá dentro do
Ano do gato
E a manhã chega e você ainda está com ela
E o ônibus e os turistas foram embora 
Você jogou fora a escolha e perdeu sua passagem de volta
Então você tem que ficar 
Mas a batida da noite continua soando
no ritmo do dia recém-nascido
Você sabe que um dia você está confinado a deixá-la
Mas por agora você vai ficar
No ano do gato
                                                          -Andrew Ryan 1986


terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Vida

A vida e a corrida para uma meta,
que vejo e desaparece, revejo e
de novo desaparece, mas 
sempre com o pensamento
positivo de alcançá-la e não
largá-la jamais!
Certas pessoas me perguntam o
que eu penso no rumo a frente...
Bom...no momento só estou a
ver meus animes, pois, eu conto
ainda com eles nesses três
passos a frente
E meio embaraçoso no que falo,
mas tenho uma mentalidade
guardada aqui nesse meu crânio
que se diz me "amar"
Geralmente, passo mais tempo
em desvendar a vida do que
cuidar da minha , e como
uma jovem planta, que na 
primavera  dar seivas novas,
mas que não conhecerá nunca
o verão, nem nunca poderá
dar frutos, se não deixá-la
sentir a primavera
tepidez do sol.
Essa é uma das qualidades que
tenho que ver na minha listinha
de deveres.
Só devo ver, por enquanto estou
a ver tudo em câmera lenta,
como luzes de farol.
                                                    -Carolina Quick.S

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Rocket Man

And I think it's gonna be a long, long, time
'Til touchdown brings me 'round again to find
I'm not the man they think I am at home
Ah, no, no, no
I'm a rocket man
Rocket man
Burnin' out his fuse
Up here alone
                                              -Rocket Man

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Southern Nights

Southern nights
Have you ever felt a southern night?
Free as a breeze
Not to mention the trees
Whistling tunes that you know and love so
Southern nights
Just as good even when closed your eyes
I apologize to anyone who can truly say
That he has found a better way
Southern skies
Have you ever noticed southern skies?
Its precious beauty lies just beyond the eye
It goes running through your soul
Like the stories told of old
                                                                                    -Southern Skies

Enjoy The Silence

Words like violence
Break the silence
Come crashing in
Into my little world
Painful to me
Pierce right through me
Can't you understand?
Oh, my little girl
                                                                                            -Enjoy The Silence

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

A Filha de Atlântida

A Filha de Atlântida
Atmosfera marinha azul
tranparência desde ilimitados
horizontes californianos mas não
tão ilimitados que me deixem 
entrever no fundo que eu possa
intuir a luz.
Os pensamentos são como
pólvoras espalhadas entre
matérias,
as recordações são como beijos
viciantes, como desmancha-la e 
beijai-a sobre labios róseos
mas levemente, como se
fizésseis sobre flores em botão.
É horrível1 Não percebesse, este 
profundo silêncio?
Como você faz as coisas 
parecerem confusas para este 
pobre encantador;
Que se diz te amar ou apenas te
fazer entender sobre o mundo,
que tu acreditavas menina, que
ainda estavam nos teus olhos
azuis e frágil melancolia
insperada do passado afundo
das lembranças..
Mas tu partiste sem dizer um
Adeus, um Adeus que nem eu
sei se irás voltar.
Com as recordações sobre a
onda, te consumirei em nostalgia
entre a areia do mar, pois de
onde as palavras ditas são 
escritas na areia, me trará uma
visão fugida de teus
pensamentos...
Assim escrevia um velho só,
com cem anos um poeta cujo
nome não sei, que se apaixonou
pela mais bela menina dos olhos
de Atlántida.
                                                                                          -Carolina Quick.S

Escape

Stars die in the silence Of arabian nights Wind washes the seasons In these days of a golden age Life in your new world Turning rou...